Crítica sobre CD Time to change

Por jornalista Jens Lohmann Revista Jazz Special # 134 Aug. – Sep. 2013
“O pianista Jesper Hedegaard é quase mais brasileiro do que dinamarquês. Desde 1976 ele dedicou sua vida à Música Brasileira e cresceu junto com o gênero instrumental que faz ponte para o Jazz. Ele é conhecido e apreciado no Brasil e é um incansável promotor da rica Música Brasileira na Dinamarca, sem fazer um grande alarido de si mesmo. É a música – a brasileira – que é o alvo. Isso se reflete claramente no novo CD dele, uma modesta obra de meia hora. O belo trabalho de trio com o baterista Magno Bissoli e o baixista Sidiel Vieira mostra o Hedegaard familiarizado com a rica fronteira entre Música Brasileira e Jazz. Além de duas composições próprias o Jesper Hedegaard Trio toca composições de Tom Jobim, Ary Barroso, Lúcio Alves. Bruno Martino e Bruno Brighetti.

Lindo, cativante e com uma despretensão que ajuda a criar empolgação e aguça a atenção. Sobre a elegante e ritmada interpretação, aparentemente sem esforço, revela-se um rico diálogo entre os três músicos, que reforça o desejo de mais do que os 33 minutos do CD. Bissoli às vezes é tão discreto em seu jeito elegante que ele quase desaparece. Uma pena, porque aqui, um dos mais generosos músicos do Brasil, poderia adicionar mais expressão. É um trio com grande potencial. Esperemos que os três continuem trabalhando juntos e em breve tenhamos oportunidade de ouvi-los novamente”.

Confira o Cd e ouça aqui

Tagged as .